Cronista da vida, das coisas e do mundo. Cultura, moda e arte.

Geral

Terapia

Será que ajuda? Ou a loucura está chegando e não é reversível?

O certo é que, numa regularidade de agenda a tristeza vem, toda a semana, pelo motivo mais besta que se possa imaginar. E isso acontece há meses!

Por Batman, até quando caregarei esta tristeza que não é minha, este sentimento de infelicidade que corrói em segundos? Até há poucos instantes eu estava alegre e sorria pelas ruas, ouvindo música, chegava a dançar enquanto caminhava. Inexplicavelmente agora choro, sem que nada houvesse acontecido.

Céus, será o nada que provoca tudo isso? O que está faltando, e porque sempre algo está faltando? Por que sobre mim essa tristeza dos outros, essa angústia? Em que labirinto ficou perdida aquela garota alegre que eu era?

Janina Stasiak, 25/04/2008 – 11h15

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.