Crônicas, lifestyle, armário-cápsula, nerdices e vida na Bélgica.

Geral

Tempo de estranhos

Já faz muito tempo que percebi que as manhãs nubladas e com vento são propícias para encontrarmos pessoas com fisionomia estranha nas ruas. E isso não é só nesta cidade em que estou residindo não. Em outras mais já constatei isso. Também, eu e essa mania de ficar olhando para o rosto das pessoas que passam na rua…

A verdade é que hoje, o dia acordou de cara amarrada, nublado, com ventos de folhas caídas, muitas, que rodopiam em pequenos redemoinhos. E estes envolvem as pessoas que passam nas ruas – e elas são muitas nestes dias – numa aura de vários tons de marrom outono.

Então, nestes dias em que a chuva é só uma ameaça de vento úmido gelando nosso rosto e fazendo nosso corpo suar com o falso frio, as pessoas que não sabem que tem cara de loucas, saem as ruas. Em trages que nada combinam, por caminhos que desconhecem, trompando-se com as pessoas que tem pressa.

Será que estas pessoas só tem estas caras em dias de nublado vento? Ou será que todos temos cara de loucos nos dias em que o ‘tempo vira’?

Bom o sol está reaparecendo…a chuva que nem chegou aos poucos está indo embora…as pessoas estranhas também devem estar se recolhendo, assim como meu medo de passar por elas.

Nina, 31/05/2006

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.