Crônicas, lifestyle, armário-cápsula, nerdices e vida na Bélgica.

Livros

Estou lendo: Os Sete, de André Vianco

Ressuscitando a tag sobre livros, que estava abandonadíssima!

livro-os-sete-andre-vianco-imaginacao-fertil

Eu sei, estou atrasada com esta coisa de vampiros. Eu sei, eles livro não é novidade. Eu sei, estou devendo o seguimento dessa tag há meses. Mas eu sou persistente, ao menos, como podem perceber.

A verdade é que a leitura de Precisamos falar sobre o Kevin ficou pausada por um longo período e esse, como já devem saber, é um livro longo. Que apesar de longo depois que peguei no tranco, não conseguia parar de ler. Eu mergulhei de verdade naquela história e ao final, me sentia parte dela.

Para sair da vida de Eva Katchadourian eu precisei buscar o que de mais leve tinha em minhas mãos. Fui de Os delírios de consumo de Becky Bloom. Tão leve que li em 3 dias. Queria mais, mas as sequências não me encantaram. Tentei principiar a leitura de mais alguns, mas nenhum outro livro me cativava.

Até que decidi ler Os Sete, de André Vianco (alguém sabe o nome verdadeiro do moço?). Este livro estava na minha lista de leitura há anos, pois tinha muita curiosidade. Sequer poderia imaginar como seria uma história de vampiros ambientada em solo brasileiro e por isso decidi investir nesse livro.

Mas antes de tecer qualquer comentário, isto não é uma crítica, uma análise literária. Estou apenas a compartilhar o que me vem à enquanto leio o livro. Meu pensamentos enquanto leitora.

O que estou achando de Os Sete?

os-sete-imaginacao-fertil

A ideia é genial. Daquelas: poxa, como não pensei nisso antes? Mas por várias vezes, me pego um pouco decepcionada, pensando no quanto ele poderia ter desenvolvido melhor os elementos básicos do livro, como caracterização dos personagens. Mesmo que esteja apresentando todos aos poucos. Sinto falta de mais características dos personagens para desenhar os mesmos na minha cabeça.

Claro que este é o livro de estreia do autor, e apenas por isso estou sendo persistente. Outra coisa que tem me incomodado é a grande atenção dada para algumas coisas sem importância, e nos trechos mais tensos, em que poderia se demorar um pouco mais ou dar mais detalhes, não se tem uma visão mais aprofundada do que acontece. Li 25% do livro e por duas vezes, precisei voltar uma página na leitura para entender o que tinha acontecido, dada a brevidade da narração.

Também sinto falta de quebras na narrativa, que deixem claro que você saiu de uma cena para outra. Por fim, a linguagem simplória demais, me deixa nervosa. Entendo que possa existir um objetivo comercial por trás da trama, mas sou da ala que defende que subestimar a inteligência do leitor, mesmo que seja linguisticamente falando, é um pecado terrível.

Por fim, minha pergunta: você que me visita, já leu este livro ou algum outro do autor? Qual sua opinião sobre Os Sete, de André Vianco?

One thought on “Estou lendo: Os Sete, de André Vianco

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.